Impulse

Publicado: setembro 21, 2007 em sketches

Ian andava de cabeça baixa. Diziam que era tudo culpa dele. Ele sabia que não. Como poderia ser? Não tudo. Era uma noção infantil. De pessoas que não estavam lá. Que não viram o que ele viu. Ian lembra daquele dia como se fosse ontem. Como se fosse agora.

Ian jamais se esqueceria do que ele viu no Abismo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s